20 setembro, 2009

Eu contarei...

vj, Brejo Grande, Agosto 2009
Eu contarei a beleza das estátuas -
Seus gestos imóveis ordenados e frios -
E falarei do rosto dos navios

Sem que ninguém desvende outros segredos
Que nos meus braços correm como rios
E enchem de sangue a ponta dos meus dedos.



Sophia de Mello Breyner Andresen
No tempo divivido (1954)

10 comentários:

Viajante disse...

Um post pleno de beleza e fecundo de Amor.

Beijo do Tu. Para sempre!

Rosa Negra disse...

Já tinha saudades dos poemas que tu sentes :))
Um abraço apertado

Anónimo disse...

Minha querida um grande grande xi-coração !!
Beijinho
Paula

Lusitana disse...

...Bemvinda...o meu coração está cheio de alegria!!!

Rosa Negra disse...

Parabéns, muitos parabéns, esse coração grande cheio de felicidade, saúde e tranquilidade para receber a nova vida.
Estou muito feliz por vós :))
Um abraço do tamanho da tua alegria :)

Viajante disse...

Nesta fotografia já estavas miraculada :)

Zabour disse...

Vim deixar-te um beijinho de parabéns e que tudo corra pelo melhor. O receber e conceber uma nova vida deve ser maravilhoso.

Beijinhos

filha do administrador disse...

parabéns
mesmo bem para começar o ultimo trimestre do ano
felicidades

Joanissima disse...

Ainda não tinha tido oportunidade para vir aqui, com a calma e a serenidade que o momentotambem exige para te dar um beijo especial.
Boa Primavera para ti, minha querida.

Rafeiro Perfumado disse...

Eu contarei que a linha do horizonte está torta...